25 de Novembro de 2020

'Tenho alguns convites, mas ainda não defini', diz Benito Gama sobre futuro partido

'Tenho alguns convites, mas ainda não defini', diz Benito Gama sobre futuro partido

De saída do PTB, o ex-deputado federal Benito Gama disse que não sabe ainda em qual legenda irá se filiar. Ele espera primeiro oficializar seu desligamento do Partido Trabalhista Brasileiro, o que já está fazendo ao se desligar dos cargos e organizar a parte burocrática com a Justiça Eleitoral.

 
"Tenho alguns convites honrosos, mas ainda não defini. Estou cuidando, primeiro, do desembarque", afirmou em entrevista ao BN, na manhã desta quarta-feira (25). "Eu estou saindo confiante de que vou continuar na política, essa decisão será mais rápido possível", acrescentou.
 
Ele confirma que o estopim para a decisão de deixar a legenda que até então presidia a nível estadual foi a postura do ex-deputado federal Roberto Jefferson (saiba mais aqui). Presidente nacional da sigla, o político dissolveu o diretório do partido na Bahia após tentar anular a convenção que definiu coligação com a chapa "Salvador não pode parar", do vice-prefeito Bruno Reis (DEM).
 
Posteriormente, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) acatou um pedido apresentado por Benito e suspendeu o ato, mas o estrago na relação já estava feito. "A gota d'água foi aqui em Salvador, o apoio a Bruno Reis. Depois da convenção, ele não concordou, pôs em risco a eleição dos vereadores e a nossa chapa toda", lembrou o baiano. Na capital baiana, o PTB garantiu dois nomes na  Câmara Municipal (CMS): Carlos Muniz e José Antônio.
 
Atualmente bolsonarista, Roberto Jefferson já se pronunciou contra o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM). Em visita ao município de Vitória da Conquista, em setembro, ele disse que faltou "coragem" e "liderança" no democrata (veja aqui) para disputar o governo do estado contra o atual governador Rui Costa (PT). A conjuntura da legenda na Bahia, no entanto, tinha o PTB aliado ao grupo de Neto.
 
Diante desse impasse, Benito decidiu que era hora de sair e, junto com ele, sua filha Taíssa Gama também vai deixar a legenda. Ex secretária de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ) de Salvador, ela atuou na campanha de Bruno Reis e foi secretária de Políticas para Mulheres, Infância e Juventude (SPMJ) no governo de Neto. "Diante das incontornáveis  divergências que tivemos na Bahia com o PTB Nacional na última eleição, informo a decisão de me desfiliar do PTB em caráter irrevogável", declarou, em nota enviada à imprensa nesta manhã. Assim como o pai, ela também não anunciou em qual legenda irá se filiar. Disse que informará "em breve".


Tags Relacionadas

tenho, alguns, convites, mas, ainda, não, defini, diz, benito, gama, sobre, futuro, partido,

Últimas notícias