Situação na Avenida Mário Sérgio preocupa o Vitória; clube pede providência ao governo

03 de Agosto de 2020
Situação na Avenida Mário Sérgio preocupa o Vitória; clube pede providência ao governo
Uma das vias de acesso ao Barradão, a Avenida Mário Sérgio tem causado preocupação ao Vitória. Um deslizamento de terra ocorreu no mês passado e o clube teme que isso ocorra novamente.  
 
"A preocupação é constante porque existe a possibilidade da outra parte da encosta ceder e causar um problema sério se porventura estiver trafegando um veículo ou uma pessoa passando pelo local", diz um trecho da nota emitida pelo Vitória.
 
A Avenida Mário Sérgio foi inaugurada em 2018 (relembre aqui) e liga a Paralela aos bairros de Canabrava, Trobogy, Nova Brasília, Pau da Lima e ao Barradão. A via é a mais utilizada por atletas, dirigentes e funcionários do Vitória.
 
"A Mário Sérgio é bastante utilizada pelos atletas, dirigentes e funcionários do Vitória por ser uma via mais livre e de fácil acesso ao Estádio Manoel Barradas e ao Centro de Treinamento Manoel Pontes Tanajura. Por ocasião do deslizamento, a Prefeitura providenciou a remoção dos escombros, liberando alguns dias depois o trânsito de veículos somente em uma faixa. Por se tratar de obra do Governo do Estado, o município não pode realizar o serviço de recuperação da encosta", diz outra parte da nota.
 
O BN entrou em contato com a assessoria de imprensa da Secretaria de Desenvolvimento Urbano do Estado da Bahia (Sedur). Em resposta,a pasta informou que técnicos da Conder e da empresa que fez a construção estiveram no local. A conclusão é que o problema não tem a ver com a obra realizada pelo Governo do Estado. A situação foi ocasionada em consequência de uma edificação irregular acima da via, na borda da drenagem feita na parte de cima. Por conta disso, a terra desceu, mas a Sedur garante que a obra está intacta. 
|