Porto Seguro: Centro de ritual Pataxó é incendiado

Postado dia 14 de Novembro de 2019
Porto Seguro: Centro de ritual Pataxó é incendiado
Um centro de rituais do povo pataxó, em Porto Seguro, foi incendiado na madrugada desta quinta-feira (14). De acordo com a Agência Brasil, o secretário da Associação de Jovens Indígenas Pataxó, Emerson Pataxó, acusou que o fato aconteceu ao ser provocado intencionalmente por não indígenas.   Emerson disse que membros Aldeia Barra Velha, onde está localizado o centro, ouviram o barulho de um motor de um automóvel na região. Conforme noticiou a publicação, o secretário afirmou que a aldeia é considerada "a mãe" dos pataxó. Isso reforça a possibilidade de que o ataque tenha o objetivo de destruir um símbolo importante da etnia. "[Barra Velha] Foi uma das primeiras que o povo pataxó organizou, no período pós-colonização portuguesa", ressaltou.   "Fica em um espaço que é muito bem visto pelo mercado do turismo. Tem uma das mais lindas praias da Bahia. A gente vem enfrentando, tanto em Barra Velha como outras aldeias, ameaças de cunho racista e de intolerância religiosa", acrescentou. "Aqui é uma área de interesse e a gente vive sendo atacada e ameaçada a todo instante", denunciou.   Segundo Emerson Pataxó, a Fundação Nacional do Índio (Funai) já foi notificada sobre a ocorrência desta madrugada.
|
Tags Relacionadas: porto, seguro, centro, ritual, pataxó, incendiado,