Mudança de sede da prefeitura de Salvador depende homologação na Justiça

Postado dia 03 de Dezembro de 2019
A mudança da sede da prefeitura de Salvador está dependendo do andamento da Justiça. Segundo o vice-prefeito da capital, Bruno Reis (DEM), uma discussão entre a Secretaria Municipal de Cultura e Turismo (Secult) e a Santa Casa da Bahia travam a decisão definitiva.   "O projeto está pronto. O problema é que em um desses imóveis, há uma discussão entre a Santa Casa e a Secretaria de Cultura e Turismo que está judicializada, dependendo de uma homologação, que foi uma permuta realizada com a Santa Casa, para que o imóvel possa ser desapropriado e a gente possa ter a condição de licitar e iniciar a obra", disse.   Os imóveis em questão se localizam ao lado da Câmara Municipal, nas imediações da atual estrutura em que está edificada a atual sede da prefeitura. "Se resolver essa questão, a tendência é que seja ali", indicou.   Em fevereiro, o prefeito ACM Neto (DEM) anunciou que desmontaria o Palácio Thomé de Souza para liberar a área na Praça Municipal (leia mais aqui). Desde então, a resolução sobre a nova sede é uma incógnita. Neto, inclusive, chegou a se animar com a possibilidade de que a gestão municipal fosse transferida para o Palácio Rio Branco (leia mais aqui). 
|