13 de Outubro de 2021

'Me considero todas as cores', diz ex-BBB criticada por viver advogada negra no teatro

'Me considero todas as cores', diz ex-BBB criticada por viver advogada negra no teatro

A ex-BBB Gyselle Soares, vice-campeã da 8ª do reality show global, está envolvida em uma grande polemica por sua atuação na peça 'Uma Escrava Chamada Esperança'.

Ativistas do movimento negro protestaram contra a atuação da moça no espetáculo que conta a história da primeira advogada negra do Piauí, por ela estar embranquecendo a história de Esperança Garcia.

Ao G1, a ativista Sônia Terra afirmou que a interpretação de Gyselle pode dar uma ideia errada de quem foi Esperança para as crianças e adultos que conhecerem a história por meio do espetáculo.

"As crianças que vão assistir o espetáculo vão ficar na cabeça que a Esperança Garcia é uma pessoa branca".

Gyselle disse ao portal que não ficou abalada pelas críticas do movimento negro. A ex-BBB, que afirma ser "de todas as cores", ainda disse que as pessoas não deveriam se definir pela cor.

"As pessoas têm que comentar o que acham, a gente tem que respeitar o direito de resposta delas, e é importante pra mim como atriz poder ser qualquer coisa (...) Eu me considero todas as cores, sem cor, um ser humano com coração que pode sentir tudo, de todo mundo. Estamos no mundo, somos todos iguais, nossa pele não tem cor, nosso coração não tem cor, não podemos nos definir assim".

O diretor da peça, Valdson Braga, saiu em defesa da atriz e disse que chegou a procurar movimentos negros para falar sobre a escolha. Segundo Valdson, Gyselle estaria sendo descriminada.


Tags Relacionadas

considero, todas, cores, diz, ex-bbb, criticada, por, viver, advogada, negra, teatro,

Últimas notícias