19 de Janeiro de 2021

Lewandoswki será relator no STF de ação da Bahia sobre uso emergencial da Sputnik V

Lewandoswki será relator no STF de ação da Bahia sobre uso emergencial da Sputnik V

O ministro Ricardo Lewandowski será o relator da Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) na qual o governo da Bahia pede ao Supremo Tribunal Federal (STF) autorização para uso emergencial da vacina Sputnik V, produzida por um laboratório do governo russo, no Brasil.
 
A distribuição do processo para o ministro foi feita nesta segunda-feira (18). Ele assumirá a relatoria por prevenção, ou seja, porque é responsável por um outro processo com temática parecida, sobre medidas para garantir a vacinação contra Covid-19 no país.
 
Nesta terça-feira (19), o governador da Bahia, Rui Costa, falou sobre o assunto e destacou que, caso o STF permita, já há 10 milhões de doses da Sputnik V prontas para distribuição ao país. 
 
"Espero que possamos, através da Justiça, acelerar o uso da vacina russa, Sputnik, para que a gente possa ter a importação. Nós temos um contrato, o estado da Bahia, com o laboratório, mas isso não é qualquer obstáculo para que a União possa assumir seu papel e assumir a importação. Teria disponível para trazer hoje 10 milhões de doses da Sputnik, a vacina russa", afirmou, em fala após a vacinação das primeiras baianas, com doses da Coronavac, no Hospital Santo Antônio, das Obras Sociais Irmã Dulce, em Salvador. 


Tags Relacionadas

lewandoswki, será, relator, stf, ação, bahia, sobre, uso, emergencial, sputnik,

Últimas notícias