LEM: Perícia diz que secretário de Cultura encontrado morto não estava sozinho

18 de Outubro de 2020
LEM: Perícia diz que secretário de Cultura encontrado morto não estava sozinho
O secretário de Cultura e Turismo de Luís Eduardo Magalhães, oeste da Bahia, Alexandre Vieira, não estava sozinho dentro da caminhonete onde foi encontrado morto (leia aqui). É o que aponta perícia feita no veículo. 
 
"Encontramos diversas perfurações ao longo do corpo, concentradas na região das costas, e na região do braço esquerdo. Evidências rapidamente sugerem que tinha mais de uma pessoa no veículo", disse o perito criminal Everton Magalhães, em entrevista à TV Bahia. 
 
Segundo o delegado Joaquim Rodrigues, ainda não foi identificada motivação para o crime, ocorrido na manhã deste sábado (17).  A polícia acredita que Alexandre tenha sido morto com ao menos sete facadas, na madrugada deste sábado. Uma faca foi encontrada perto do local do crime e encaminhada para perícia.
 
De acordo com informações da polícia, o corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da região, onde vai ser periciado. Nascido em Minas Gerais, Alexandre Vieira tinha 53 anos e era conhecido em Luis Eduardo Magalhães pela realização de vários projetos culturais. Ele deixa mulher e dois filhos adolescentes. 
 
A Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães decretou luto oficial de três dias pela morte do secretário. Em nota, a administração municipal destacou as ações desenvolvidas por Vieira na cidade.
|