Fora do 'BBB', Lucas faz campanha contra Guilherme e Pyong e critica atitude de brothers

03 de Março de 2020
Fora do 'BBB', Lucas faz campanha contra Guilherme e Pyong e critica atitude de brothers
Na tarde desta segunda-feira (3), um dia após a formação do novo paredão no "Big Brother Brasil" (relembre aqui), o eliminado Lucas Gallina fez campanha nas suas redes sociais pedindo a saída de Guilherme e Pyong. Para justificar ambos os posicionamentos, o brother relembrou a polêmica sobre sedução contras as meninas e os casos de assédio na casa.    "Foi ele que trouxe à tona que a Mari planejava me seduzir, um plano que nunca fiz parte. Queimou o relacionamento da Bia se aproximando dela e a seduzindo quando sabia que a mesma estava em um relacionamento fora da casa. Não tem personalidade e nem caráter para proteger os próprios 'amigos' retirando eu e o Prior da prova do líder para não arrumar intriga com o resto da casa. Preciso falar mais?", escreveu Lucas sobre as ações de Guilherme.    Ao falar do emparedado Pyong, Lucas compartilhou um comentário feito em uma rede sociais sobre polêmicas relacionadas ao ilusionista e afirmou que "não consegue entender" acreditando que "quem sair está bom".    "Bianca bêbada dá em cima do Guilherme. Vocês: 'A gente tem que tirar essa mulher, olha o que ela está fazendo que ridículo'. Pyong bêbado assediou três mulheres e não respeito a esposa grávida. Vocês: 'Ah, mas ele é bonzinho Ele estava bêbado", dizia o comentário compartilhado.    Além das críticas diretas, Gallina afirmou que o prêmio de R$ 1,5 milhão "não compra caráter e nem dignidade" e que pelo menos os seus valores não teriam preço. Ele também fez um questionamento: "Será que vale tudo?". Por fim, criou uma enquete sobre quem deveria sair no paredão desta terça-feira (3) e até o fechamento da nota, os dois brothers apareciam empatados.    Foto: Reprodução / Instagram (clique para ampliar)