Após ter gestão comparada com pandemia, JH reage e diz que DEM fez 'autossabotagem'

16 de Setembro de 2020
Após ter gestão comparada com pandemia, JH reage e diz que DEM fez 'autossabotagem'
O ex-prefeito de Salvador, João Henrique, rebateu críticas feitas ao seus dois governos nesta terça-feira (15) pelo prefeito ACM Neto (DEM). Ao falar sobre os desafios que a cidade terá em 2021 por causa da crise econômica provocada pela pandemia do novo coronavírus, Neto avaliou que o novo prefeito terá dificuldades no mesmo nível das enfrentadas por ele quando assumiu a prefeitura em 2013, em cenário de "administração combalida, finanças arrasadas e incapacidade de prover serviços essenciais" deixado por JH (veja aqui).
 
Em mensagens enviadas para amigos no WhatsApp, obtidas pelo BN, o ex-prefeito defendeu que o DEM, partido presidido nacionalmente por Neto, também teria participação na "terra arrasada" descrita pelo atual gestor porque tinha cargos na administração dele. "Acho engraçado, essa terra arrasada foi, então, construída pelos DEMOCRATAS, QUE OCUPAVAM CARGOS de 1, 3, 3 e 4 [SIC] escalão na gestão JH", ironizou. JH listou nomes da sigla, de aliados e integrantes da administração de Neto que ocuparam postos nos seus governos.
 

Em mensagens, João Henrique reage a críticas de ACM Neto | Foto: Print Screen Leitor BN
 
"Léo Prates, chefe de gabinete de JH nos 4 anos; Cláudio Tinoco, pres, da SALTUR nos 4 anos; Marcelo Abreu, secretário de Serviços Públicos e presidente do DEM de Lauro de Freitas à época; Jairo João e Flávia Taboada, cerimonial do gabinete do Prefeito; Tiago Correia, diretor da Secretaria de Economia, hoje deputado estadual; Joaquim Bahia, secretário da Fazenda de JH, vindo diretamente da prefeitura do DEM de Feira de Santana (José Ronaldo) para assumir a SEFAZ de JH em Salvador; Coronel Fiuza, chefe da Assistência Militar do governo Paulo Souto e, em seguida, chefe da assistência Militar do governo JH; Tânia Simões, administradora do Pelourinho no governo Paulo Souto e no governo JH", enumerou.
 
João Henrique disse que os próximos debates eleitorais revelarão mais participações do DEM nos seus governos e lembrou ter apoiado Neto quando este venceu a primeira eleição em 2012, em disputa contra o PT. "Ou o DEM estava dentro do governo JH só para fazer AUTO-SABOTAGEM [SIC] INTERNA CRIMINOSA, mesmo com JH apoiando de BOA FÉ a primeira e disputadíssima eleição de ACM Neto contra o PT?", questiona.